Humberto Costa ocupará cadeira na Comissão de Relações Exteriores

O senador Humberto Costa (PT-PE) será o novo titular da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) do Senado. Ele vai ocupar a 19 cadeira do colegiado e, como informou o presidente da CRE, Nelsinho Trad, pode dar o voto de minerva sobre a indicação de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada do Brasil em Washington, nos Estados Unidos.

"Não será um problema para mim", garantiu Humberto, que já se mostrou contrário à indicação do filho do presidente Jair Bolsonaro para a chefia da missão diplomática em Washington.

Humberto Costa foi indicado para a comissão pelo Bloco Parlamentar da Resistência Democrática, que no início do ano deixou de indicar um dos titulares a que tinha direito para a CRE e agora foi cobrado dessa decisão já que a comissão está bastante dividida sobre a indicação de Eduardo Bolsonaro e não quer ficar em um empate sobre esse assunto.

"Nós vamos ter uma posição muito clara no sentido de que só devemos aprovar alguem para em espaço de relevância como essa para alguém que tenha perfil, preparação, atributos e vá fazer uma política de estado. E nossa avaliação é que o indicado não tem esse perfil. Então, nossa tendência vai ser rejeitar", afirmou Humberto, lembrando, porém, que uma decisão final só será tomada após Eduardo Bolsonaro ser sabatinado pela CRE.

> Oposição ganha espaço na votação de Eduardo Bolsonaro para embaixada

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!